Como calcular o preço de venda do jeito certo?

Como calcular o preço de venda do jeito certo?

eBook Prejuízo com ordens de produção veja o porquêPowered by Rock Convert

Saber como calcular o preço de venda não é nenhum bicho de sete cabeças, mas merece um pouco da sua atenção. Afinal, pode ser difícil decidir esse valor correndo o risco de diminuir os lucros (se for muito baixo) ou as vendas (caso seja muito alto).

Para facilitar a tarefa, você pode recorrer a alguns métodos de precificação. Eles vão ajudá-lo na conscientização sobre todos os elementos envolvidos e a receber pelo seu produto aquilo que ele vale, sem exageros ou descontos excessivos.

Leia este artigo até o fim e saiba quais são as etapas mais importantes da precificação, assim como uma maneira simples de calcular o valor de venda dos produtos na indústria de confecção!

Quais são os principais elementos da precificação?

O raciocínio de que o preço final de um produto deve cobrir o que é gasto e ainda gerar lucro é óbvio e consolidado. No entanto, as nuances dessa divisão podem escapar aos seus cálculos se você não estiver atento.

Em empresas com processos de venda mais informais, por exemplo, é comum que o cálculo cubra apenas os custos e deixe de lado as despesas envolvidas. Como resultado, o empreendedor não sabe onde está a causa do problema da baixa lucratividade no final do mês. Veja abaixo um passo a passo para precificar corretamente.

Custos fixos e variáveis

Os custos são o que você gasta para produzir. Eles podem ser fixos ou variáveis, repetindo-se de maneira mais ou menos previsível na produção. Em termos ideais, os custos variáveis devem ser extintos ou transformados em fixos, mas isso é difícil na prática.

Despesas de venda

As despesas são de outra ordem, pois não estão diretamente relacionadas à produção. Ou seja: elas vêm embutidas em outros processos, como o de vendas. É fundamental que você tire um tempo para pensar no quanto gasta para vender cada um dos seus produtos, em média.

Margem de lucro

Trata-se do valor percentual que representa o lucro obtido com a venda de cada produto. Assim, se sua margem de lucro é 100%, o item custa o dobro do que você gastou para produzi-lo e vendê-lo.

Como calcular o preço de venda na indústria de confecção?

Até aqui deve ter parecido fácil. No entanto, existem algumas peculiaridades a serem levadas em conta. A indústria de confecção tem o que chamamos de sazonalidade, isto é, a quantidade de vendas sofre grandes variações dependendo da época do ano.

Além disso, investimentos em marketing, novas tecnologias ou novidades incrementais nos processos produtivos se refletem na precificação final. Então, você pode se ver às voltas com dúvidas sobre investir na melhoria de processos para baratear os produtos, por exemplo.

Essas melhorias vão custar uma parte da sua margem de lucro. Logo, é necessário pensar se valem realmente a pena e se uma coisa paga a outra.

Quando você sabe como calcular o preço de venda movendo-se entre os extremos, adquire uma melhor margem de lucro, desenvolve vantagens competitivas e conquista previsibilidade nas receitas da sua indústria de confecção.

Quer mais dicas sobre precificação e outros detalhes que impactam a gestão, as finanças ou os processos produtivos? Então, siga-nos nas redes sociais (estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn)!

Apresentação IndustWeb Sistema para ConfecçãoPowered by Rock Convert
Nenhum comentário.

Deixe seu Comentário

Não perca mais nenhum conteúdo!

Cadastre-se em nosso blog e comece a receber conteúdos fresquinhos sobre indústria de confecção em seu e-mail