fbpx
4 erros de gestão de estoque que podem prejudicar seus resultados

4 erros de gestão de estoque que podem prejudicar seus resultados

Powered by Rock Convert

Começamos o artigo de hoje com uma pergunta: você sabe como evitar erros de gestão de estoque? O fluxo de mercadoria na produção é muito importante, porque impacta não só a quantidade de matéria-prima e insumos, mas também nas finanças de uma empresa.

O gerenciamento desse processo é crucial para alcançar resultados satisfatórios e, por isso, merece a devida atenção. Afinal, o estoque é um dos principais investimentos da empresa e pode gerar grandes prejuízos sem o controle adequado.

Portanto, se você não sabe como manter a sua empresa afastada dos erros de gestão de estoque, este conteúdo é para você! Confira a seguir 4 erros que podem prejudicar os seus resultados e descubra como evitá-los!

1. Controle manual

Apesar da facilidade com as novas tecnologias, ainda existem aqueles empresários que preferem fazer o controle de estoque de forma manual com cadernos e agendas. Porém, há vários problemas nessa escolha.

O controle manual facilita a perda de dados, que ficam disponíveis em um único lugar, aumenta o tempo investido na tarefa, além de abrir margem para maior possibilidade de erros de cálculo. Já um sistema de controle informatizado, ainda que por planilhas de Excel, diminui os riscos de todas essas questões.

2. Falta de registros e integração de dados

Ignorar a existência de um sistema integrado é o passo inicial para promover erros de gestão de estoque, já que muitas informações acabam não sendo repassadas ou ficam incompletas no processo.

Além disso, os dados devem ser inseridos com frequência para evitar furos no estoque e problemas na emissão de notas fiscais. Nesse sentido, a integração de sistemas permite que todos os departamentos estejam alinhados e atentos a qualquer atualização do processo, evitando comprometimento do capital da empresa.

3. Falta de organização

A falta de organização também faz parte dos principais erros de gestão de estoque. Se você classifica as informações por categorias nos relatórios, consegue ter melhores insights e análises sobre o negócio.

Enquanto o departamento financeiro tem melhor controle para gerar notas, o comercial consegue identificar a quantidade de itens disponíveis para a venda e negociações. A troca de informações também permite que a equipe do estoque saiba como anda a demanda.

Os produtos devem ser separados por detalhes, descrições, fins e outras características que ajudam a identificar a entrada e saída de materiais, facilitando na gestão de giro de estoque. Dessa forma, com organização, é mais fácil identificar quais são os produtos que precisam de reposição e quais têm maior apelo comercial.

4. Descontrole de produtos

A falta ou excesso de produtos é mais um item que pode afetar o estoque. Consequência da ausência de registros e organização, o descontrole da quantidade de produtos atrapalha os novos investimentos, fazendo com que faltem itens importantes para a demanda ou acabe sobrando mercadorias.

Saber o que precisa ser reposto é importante para garantir melhores lucros e bons negócios. O empreendedor precisa ficar atento a algumas características como a sazonalidade e a rotatividade dos produtos, evitando estoque parado. Por isso, o planejamento se torna essencial para um giro de estoque de qualidade.

No geral, a melhor forma de evitar os erros de gestão de estoque é manter um sistema de qualidade na empresa, permitindo que todas as equipes registrem e acessem as informações de forma integrada e clara.

Se você gostou das informações deste artigo, fique atento para mais conteúdos relevantes. Siga nossos perfis nas redes sociais: Facebook, Linkdin e Instagram.

Apresentação IndustWeb Sistema para ConfecçãoPowered by Rock Convert
Nenhum comentário.

Deixe seu Comentário





Não perca mais nenhum conteúdo!

Cadastre-se em nosso blog e comece a receber conteúdos fresquinhos sobre indústria de confecção em seu e-mail